Parto Eloah, João e Iara

A partir do momento que descobri que estava grávida, logo pensei em como seria meu parto, mesmo sabendo que a Iara iria escolher a hora, o momento e como nascer… Mas como boa capricorniana, idealizava um parto normal… Mas tinha muito medo de sofrer uma violência obstétrica, então logo pensei… Preciso de uma doula, pra me acompanhar e me dar esse suporte na hora do parto, meu companheiro @joaogilbertovier como sempre me dando maior apoio em relação as minhas escolhas.. Participei das rodas de gestante da @casamarecheia , e la, desde o primeiro encontro sabia que a @pitamaranutridoula seria a minha doula, sentia que era ela… E dito e feito nos encontramos! Algumas semanas se passaram, e fui visitar o hospital (eu estava super afim de conhecer, já que todo mundo falava que era um otimo hospital)… Queria saber como seria o lugar que eu ia receber minha filha, e la estava eu, DECEPCIONADA! Eu e meu companheiro fomos super bem recebidos por uma enfermeira, que nos mostrava tudo com muito entusiasmo, e eu só queria saber de sumir dali, e chorar… Não sentia nenhum um pouco confortável com aquelas salas, aquelas luzes, aquelas pessoas, e logo imaginei, “se agora que eu estou com 34 semanas estou me sentindo assim, pensa na hora do parto, vou querer fugir dali”... Pois bem, saí dali, sem nenhuma vontade de voltar… Desde o começo sentia um chamado grande pra fazer um parto domiciliar, mas por respeito ao meu companheiro que não sentia segurança nenhuma, tinha deixado de lado essa possibilidade… Os dias foram passando, a angústia do hospital aumentando, Tamara veio em casa pra fazermos o Plano de Parto… naquele momento eu estava sem tesão nenhum, zero, não conseguia pensar em um plano de parto, nem em um parto no hospital (claro que se tivesse necessidade eu iria, mas com uma gestação ótima e sem risco, não conseguia pensar na possibilidade) e ali, na decisão do nosso parto, meu companheiro, com a maior empatia, que sempre esteve ao meu lado, disse que se era realmente a minha vontade de ter um parto domiciliar, teríamos um parto assim! (me arrepio só de lembrar...) .

Uhu! Tesão voltou… Vamos falar com as parteiras da região… só nem tudo é como esperamos, elas não iam conseguir atender nosso parto… E o que eu ia fazer agora?! Onde ia achar uma equipe, afinal, estava com 36 semanas… já não tinha esperança de mais nada… mas minha doula e o João tinham certeza que ia dar tudo certo, e me deram a maior força do mundo! Uns dias depois consegui o numero da @marielenformentao , mandei mensagem pra ela quase onze horas da noite do sábado, explicando a minha situação, no dia seguinte me ligou, com o coração super aberto pra minha história, ficamos falando por horas, "nos conhecendo", e ali eu senti, que tudo daria certo!  Na mesma semana ela, a @julianaribeiro79 e a @eva.carneiro_ vieram nos visitar, nos conhecer, nos explicar tudo direitinho, e finalmente eu tinha uma equipe @equipehanami onde eu confiava plenamente, o amor só transbordava… Tudo certo pra esperar minha pequena, e poderia ser qualquer momento, 37 semanas né?! E as semanas foram passando, 39, 40, 41… passou a data “improvavel”, 42! SOCORRO! Não nasceu…. Meu coração sentia que estava tudo tranquilo, mas a pressão externa, me abalava um pouco! Todo mundo mandava mensagem, me perguntava “ué mas não nasceu?!” “os médicos dizem que não é bom passar das 41” “porque não faz cesárea?!”... Que saco… Nao aguentava mais! E minha equipe fantástica sempre ali, me dando todo apoio, me tranquilizando, afinal, ia respeitar o momento da Iara!

Chegou as 42 semanas… Fazia tudo que elas me falavam: namorava, rebolava, caminhava, acupuntura, pontos estimulantes… Nada… vamos pra outros tipos de intervenção natural: óleo de ricino, pqp, só quem ja tomou sabe como é, achei que ali ia dar certo, ia estimular, mas nada! Não era a hora dela… descolamento de membrana, positividade, NADA…. 43 semanas, agradecida por Deus de ter colocado essa equipe no meu caminho, pois sabia que se tivesse ido pro hospital, era cesárea na certa! 43 semanas e 1 dia… 24 de abril, Mari e Ju vieram me visitar, iriamos fazer mais um descolamento de membrana… me avisaram que iam dormir em casa, sentia que algo ia acontecer… Nada era por acaso… nove da noite, primeira sessão de descolamento, cólicas leves… Tudo ok! Meia noite, segunda sessão de descolamento, cólicas mais forte, tudo ok! Vamos descansar… deitei na cama, frio fora do normal, banho quente, me esquentei, deitei com meu amor, orei, pedi pra nossa senhora do bom parto que estivesse comigo … duas da manhã, acordei com contrações leves, com intervalos de 5 a 7 minutos… voltei a dormir, afinal, todo mundo dizia pra descansar no começo do trabalho de parto… três e meia, nada de dormir, contrações mais ritmadas, João ali comigo, anotando tudinho… quase cinco horas da manhã, pedi pra ele chamar as meninas… tinha começado… ducha quente, mínimo 40 minutos… ainda não estava acreditando que minha filha estava pra chegar… seis e meia, Ryan acordando pra ir pra escola, contrações mais forte…

Vem iara… Vem iara… as meninas escutando ela todo tempo, batimentos caem um pouco… pedem pra eu virar em quatro apoios, respirar, batimentos voltam a normalizar… sento de frente pro meu amor, que me dizia que estava chegando a hora, que me olhava com orgulho e admiração, meu amor, que me apoiou todo tempo… Sinto vontade de fazer força… faço… coloco a mão, sinto os cabelinhos… Esta chegando! Sinto mais vontade de fazer força, faço… círculo de fogo… tem uma cabeça, realmente tem uma cabeça, tudo fica em câmera lenta, alegria imensa, metade dela já esta aqui, logo mais uma força, ela veio! Pelas mãos da mamãe e do papai! Direto pro meu colo! Mix de sentimentos, amor, realização, alegria, alívio,  felicidade, poder, e paz, muita paz… de eu ter conseguido trazer minha filha ao mundo! Fiquei um cadim preocupada, se ela estava bem! E tudo estava bem, eu tinha uma equipe maravilhosa ao meu lado, uma doula que me apoiava, uma fotógrafa super serena, que me deixou super a vontade, um marido que me deu assistência todo tempo, me dando muito amor, carinho e chamego e o mais importante tinha minha filha comigo! Fora da barriga, aqui no meus braços! Agradeço realmente do fundo do meu coração a todos que estiveram presente na chegada da iara… me dando apoio, amor e confiança! Nunca esquecerei de vocês! Daqui pra vida! Sou grata! ❤


Quer ter mais informações sobre parto domiciliar, gestação e maternidade?

Entre em contato conosco.

contato@equipehanami.com.br

Marielen Formentão: (48) 99190-9759
 

Rua Manoel Severino de Oliveira, 515 - sala 101

Lagoa da Conceição - Florianópolis/SC - Brasil

Para fazer parte da Lista de Transmissão do Hanami pelo whatsapp, basta solicitar seu acesso pelo link http://bit.ly/listadetransmissãohanami  


Assim você estará por dentro de tudo o que acontece no Hanami, e de algumas informações de qualidade sobre gestação, parto e maternidade.

  • Facebook
  • Instagram
  • Google Places

© Copyright 2019 – Equipe Hanami - Parto domiciliar planejado - Site design by 

simbolo.png